afiliados

Maria Manoella
Palestra "Direto da Fonte, Stanislavski na Rússia"

Faça JÁ sua inscrição!

Atriz com formação de teatro. Estreou no cinema com o filme Lara em 2004. No teatro, atuou em mais de 20 peças, dentre as quais A Casa de Bernarda Alba (2003) direção de Dionísio Neto, Cinema Éden, direção de Emilio de Biasi ( 2005), Ricardo III (2006), direção de Jô soares, Cruel (2011) direção de Elias Andreato, O Natimorto (2009), direção de Mario Bortolotto e O Teste de Turing (2016), direção de Eric Lenate. Em 2006 começa a sua carreira na televisão, onde participou de 3 séries na HBO, entre elas Filhos do Carnaval e Mandrake. Na Rede Globo, participou da série JK e de duas novelas, Três Irmãs e Sete Vidas (esta última em 2015). Em 2015, integrou o elenco da série Espinosa para a GNT. Atualmente, está gravando a série “Treze Dias Longe Do Sol", de Luciano Moura e Elena soarez, prevista para estrear em janeiro de 2018 na Rede Globo.

No cinema participou de 15 longas metragens, onde se destacam Crime Delicado de Beto Brant, A mulher Invisível, de Claudio Torres, Malu de Bicicleta, de Flávio Tambellini, e Vermelho Russo, de Charly Braun.

Em 2014 ganhou o premio de melhor atriz no Festival “Por Amor Al Arte" em La Coruña, Espanha, pelo seu desempenho no curta “Saturnica" de Cesar Netto, e em 2016 ganhou o premio de melhor atriz coadjuvante no Fest Aruanda por seu desempenho em Vermelho Russo.